domingo, 12 de julho de 2015

O Hobbit

O Hobbit - J. R. R. Tolkien




Sinopse


Bilbo Bolseiro é um hobbit que leva uma vida confortável e sem ambições, raramente aventurando-se para além de sua despensa ou sua adega. Mas seu contentamento é perturbado quando Gandalf, o mago, e uma companhia de anões batem à sua porta e levam-no para uma expedição. Eles têm um plano para roubar o tesouro guardado por Smaug, o Magnífico, um grande e perigoso dragão. Bilbo reluta muito em participar da aventura, mas acaba surpreendendo até a si mesmo com sua esperteza e sua habilidade como ladrão!

Resenha


Olá pessoal, tudo bem?

Bom, hoje vamos falar um pouquinho sobre Tolkien, ou melhor, sobre uma das [grandes] obras dele: O Hobbit

Esse foi o meu primeiro contato com os livros do Tolkien. Primeiramente pensava em começar pela trilogia do senhor dos anéis. Mas depois  me veio a ideia de começar por uma história mais curta, com menos personagens e menos "enredo".  E, sinceramente, acho que quebrei a cara. O livro é repleto de personagens (secundários ou não), locais, artefatos e histórias secundárias (mesmo que não exploradas profundamente). E a forma como o livro é narrado te envolve de tal forma que a jornada de Bilbo e os anões se torna épica...

No livro acompanhamos a história de Bilbo Bolseiro, um hobbit (um ser de natureza nada aventureira/corajosa, no geral) que, a convite de Galdaff [o mago], principalmente, se junta a companhia composta por 11 anões (sim, onze!!!) na jornada em busca de um tesouro antigo, tesouro esse guardado pelo temido dragão, Samug o magnífico...

Ao longo de sua jornada eles passam por diversas provações, desde fome e sede a aranhas gigantes e maliciosamente inteligentes. Além disso, eles passam por diversos ambientes. Lagos, florestas encantadas, grandes salões e montanhas assustadoras.

A Terra Média é um cenário extremamente rico. Cronologicamente, O Hobbit acontece primeiro do que a trilogia do Senhor dos Anéis. Contudo, muitos elementos estão presentes em ambos os livros (principalmente um certo artefato encontrado por Bilbo com um ser que, sem spoilers, voltará às histórias de Tolkien...).

Eu, particularmente, não esperava que Smaug seria derrotado daquela forma... Mas não foi uma morte desleal ou algo do tipo... Sei lá, acho que a narrativa era tão boa, tão fluída, que nem queria que terminasse, essa é a verdade rsrsrsrsrsrs...

Não sei se por ser meu primeiro livro do Tolkien lido eu fiquei com essa impressão, mas achei ele um excelente contador de histórias... Espero que goste tanto dos outros livros dele quanto gostei desse (já estou em busca da minha edição da trilogia do Senhor dos Anéis hehe).


Sobre a Edição


A minha edição da editora Martins Fontes foi traduzida por Lenita Maria Rímoli Esteves e Almiro Pisetta. Logo no começo do livro há uma nota explicando um pouquinho sobre a tradução da obra, dos nomes dos personagens e das runas (escrita da Terra Média, se não me engano).

É uma edição com 'orelhinhas' e com vários mapas da região por onde a história perpassa  e ilustrações de algumas paisagens também. Mesmo sendo uma edição com folhas brancas e bem simples, é uma boa edição (gostei dela).

Então é isso, deixe nos comentários a sua opinião sobre essa obra do Tolkien e/ou indicações do autor. 

Muito obrigado e tenham uma excelente leitura!

\o/

0 comentários:

Postar um comentário